segunda-feira, 30 de setembro de 2013

[Humor] Anões estão na moda? (ah não!!!)


Anões sempre estiveram na moda, desde o Branca de Neve e Mágico de Oz até Programa do Ratinho e Pânico...


Não é de agora que colocar um homenzinho pequenininho diante das câmeras traz muita audiência e chama muito a atenção das pessoas: uns vestidos de crianças, personagens conhecidos,  de animaizinhos, ou até um mini casal...


Você já viu alguém com menos de 1,30 m fazendo algo sério na TV?... Não é isso que o povo quer!!!


As pessoas gostam de ver o que é diferente, o que causa polêmica ou até mesmices como: BBB, piadas do Zorra Total, música "sertaneja-eletro-funk-arrocha-brega", políticos roubando, dança dos famosos, entre outros (você leitor (a) pode me ajudar a lembrar).



Espero que essa moda de anão não vire uma mesmice e esses nossos amiguinhos baixinhos e simpáticos (ou não) sejam incluídos na lista acima (se já não estiverem).



Para terminar essa postagem, coloco uma foto de algo que não existe:





[...] Comprar ou não comprar?

Você já parou pra pensar quantas coisas você acaba comprando e não utiliza, ou utiliza em um pequeno intervalo de tempo?...

Muitas pessoas sentem-se atraídas por anúncios de produtos e após adquirir tal produto, o encosta num canto da casa e nunca mais usa. Você já fez isso alguma vez na vida?


Eu confesso que já comprei tantas coisas só para dizer aos outros que tenho ou por simples atração pela publicidade de tal produto.


Veja aqui alguns exemplos de compras compulsivas:

- Comprar roupas e calçados, usá-los uma vez e deixá-los mofando no guarda-roupa ou armário;


- Comprar equipamentos eletrônicos de última moda e substituí-los logo que surgir versões mais modernas;

- Comprar alimentos, atraentes ao nosso paladar, "matar a vontade" e deixar o restante perecendo;

- Comprar livros que você nem acaba lendo;

- Comprar cosméticos e nunca usá-los;

Comprar, comprar e comprar... Tudo é comprável, menos a nossa liberdade em optar em não comprar!


[Curiosidades] Pessoas, animais e mundo




Essa é para pessoas que estão com 50 anos e se acham velhas...
Jeanne Calment, que faleceu com 122 anos, é a pessoa mais velha de sempre para a qual existem dados que confirmem a idade. 
 


E eu que pensava que era o inverso...
O isqueiro foi inventado antes que os palitos de fósforo.


 
Palavrinha difícil de decorar, talvez ela não seja muito útil aqui no Brasil, já que não temos nenhum vulcão...
A maior palavra da língua portuguesa é Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico, com 46 letras. 


Isso explica porque pisamos várias vezes em uma barata e ela continua se mexendo...
A barata pode viver até nove dias sem a cabeça.


Nem adianta dar coisinhas doces pro teu gato comer, porque pra ele tanto faz...
Os gatos não são capazes de identificar sabores doces por falta de receptores desse tipo em sua língua.


 
E eu que achava que fazia frio em minha cidade!...
Na Antártica já foram registradas temperaturas inferiores a -89° Celsius.

 

Imagine se nós humanos pudessemos fazer o mesmo!...
O gambá pode se induzir ao estado de coma quando se sente ameaçado.


 

Tem muita gente assim...
A expressão "lágrimas de crocodilo" vem do fato de os crocodilos lacrimejarem quando comem as presas.





As pessoas em todo mundo, devem adorar fazer mágicas...
A palavra Abracadabra é considerada a expressão mais pronunciada universalmente sem tradução em diversos idiomas.





É verdadeiramente uma criança cuidando de outra criança.
A mais jovem mãe do mundo foi Lina Medina, uma peruana que teve um filho aos quatro anos de idade.


 


Isso explica o porquê das pessoas terem trauma de dentista...
A cadeira elétrica foi inventada por um dentista.
 




Não é que parece prata...
O símbolo quimíco do Mercúrio - Hg vem do latim "hydrargyrum", que significa prata líquida.





Imagine se essa moda pega.
O frango Mike viveu um ano e meio decapitado.


domingo, 22 de setembro de 2013

[Curiosidade] O Museu do Genocídio Tuol Sleng

A história: Phnom Penh, Camboja, é a casa deste museu que era uma antiga escola secundária que foi convertida, em 1975, a uma penitenciária de segurança por Khmer Rouge. A prisão foi usada como base para a tortura e assassinato de presos. A maioria dos presos eram ex-soldados e oficiais do governo de Lon Nol. A paranoia de Rouge logo atingiu os seus líderes próximos, que começaram a enviar qualquer pessoa para a prisão. Muitos prisioneiros foram induzidos a nomear familiares que também eram presos, torturados e assassinados.

A maioria dos prisioneiros eram forçados a confessar crimes que nunca cometeram. Embora a maioria das vítimas fosse cambojana, muitos estrangeiros morreram, inclusive americanos, franceses, um neozelandês, um britânico, australianos, árabes, indianos, paquistaneses e vietnamitas. Acredita-se que apenas 12 pessoas sobreviveram.

O regulamento de segurança abaixo é real: são as dez regras que todos os presos tinham que respeitar na penitenciária [tradução adaptada]:

1. Você deve responder de acordo com minha pergunta. Não desvie.
2. Não tente esconder os fatos através de pretextos, você está proibido de me contestar.
3. Não seja um tolo, você é um sujeito que se atreve a contrariar a revolução.
4. Você deve imediatamente responder às minhas perguntas, sem parar pra pensar.
5. Não me fale sobre suas imoralidades nem sobre a essência da revolução.
6. Se receber chicotadas ou choques elétricos você não deve chorar.
7. Não faça nada, fique quieto e espere minhas ordens. Se não houver ordem, mantenha a calma. Quando eu lhe pedir para fazer alguma coisa, você deve fazê-la imediatamente, sem protestar.
8. Não invente pretextos sobre Kampuchea Krom para ocultar seu segredo ou traição.
9. Se você não seguir todas as regras acima, você deverá receber muitos chicotes de fios elétricos.
10. Caso você desobedecer qualquer ponto da minha regulamentação, você deve obter dez chicotadas ou cinco choques de descarga elétrica.




(Fonte: hypescience.com)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...